Não romantize o desenvolvimento humano, evoluir dói.

Para tornar o desenvolvimento mais leve, nós falamos de amor, inspiramos pessoas à nossa volta a pensar, sentir e agir com amor, mas essa é a parcela tranquilete da evolução.


Por dentro, enquanto caminhamos em nosso caminho sagrado, há dificuldades, porém persista!! Gradualmente a evolução se transforma em prazer 🌞


Trago verdades que te ajudarão a ter mais fôlego durante o processo. Quando você opta por evoluir, tem que lidar com solidão de várias formas, a evolução é um processo solitário em sua parte mais íntima, por mais que possa ser compartilhada em um grupo de terapia, por exemplo.


Até encontrar equilíbrio entre mente e coração, o que muitas vezes é demorado, você tem que lidar firmemente com essa solidão transformando dificuldades em forças, se arrancando os vitimismos e sabendo recorrer a auxílio quando necessário.


Na senda da evolução você enfrenta seus medos ao invés de fugir ou se adaptar a eles.


Você sente a raiva te arrancar os ossos e os órgãos enquanto a transforma em algo criativo e benéfico, a evolução da mesma acontece quando você decide dar outra forma a ela, porém o mundo não tem pena de você, e sim, você vai sentir...


Você precisa aprender a manter a mente no "pico da águia" até mesmo quando seu coração se encontra afogado em um oceano de ansiedades e outras intensas emoções.


Você mergulha nas tristezas para ir mais fundo em sua mente e espírito sabendo que só você mesma pode se trazer de volta à superfície.


Você aprende a respeitar a alegria e evitar euforias, pois sabe que devaneios e ilusões surgem de compulsões pela felicidade.


Sei que essas verdades doem, mas são necessárias. O desenvolvimento do autocontrole mental e psicoemocional é um processo sentido na carne!! Mas ele ameniza com o tempo e a experiência, e isso VALE A PENA.


A humanidade só será mais evoluída quando cada indivíduo realmente aceitar esse processo com discernimento e clareza.


Parar de negar as próprias dores e defeitos é só o primeiro passo, mas trilhar a jornada de autoconsciência, não é do dia para a noite, e é onde a maioria desiste, por temer o enfrentamento das "dores" do autoconhecimento, que tende a ser mais doloroso justamente pela cegueira que a consciência coletiva se encontra.


A medida que vamos evoluindo e multiplicando a consciência da evolução, novos processos se abrem. No que depender de mim, as próximas gerações poderão experimentar uma evolução consciente menos dolorosa que a nossa, eu trabalho para isso!!


Qual sua opinião sobre o tema? Compartilhe se curtir! Mande sugestões pelo insta ou face ;)


5 visualizações

CNPJ: 17.660.517/0001-00

Tel (12) 98825 8181

  • Branca ícone do YouTube
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram